Por administrador em 17/out/2014

Sinpro repudia ato racista de PM’s contra ex-secretária de Igualdade Racial do DF



A Secretaria de Raça e Sexualidade do Sinpro registra indignação e repúdio à ação de policiais militares contra a ex-secretária de Igualdade Racial do Distrito Federal, Josefina Serra dos Santos. Segundo ela, alguns PM’s a abordaram nas proximidades do Museu da República, a revistaram com violência, fizeram ameaças durante todo o tempo e a trataram com racismo. A advogada destaca que, durante a revista, seu celular foi atirado longe, sua blusa levantada de forma que seus seios ficaram expostos, seu braço torcido com força por um dos policiais e que a policial, branca, declarou que “neguinhas, quando aprendem algo, se acham”, mas que de nada adiantaria ela denunciá-los, pois nada aconteceria.

Até quando a cor da pele será sinônimo de sermos suspeitos, motivo para maus-tratos e desrespeito? Temos que nos tornar visíveis com nossa força e resistência. Esperamos das autoridades competentes a preservação de nossos direitos, independente de cor, credo, religião ou opção sexual. Não podemos e nem admitimos que negros sejam tratados como se ainda vivessem em senzalas.

À Polícia Militar, pedimos o fim de ações discriminatórias e racistas, exemplo da sofrida por Josefina Serra dos Santos.

Imprimir