Por administrador em 21/dez/2012

Servidores poderão acompanhar pais em tratamento de saúde



O Governo do Distrito Federal encaminhou projeto de lei à Câmara Legislativa corrigindo uma falha no artigo 283 do Regime Jurídico dos Servidores do DF, permitindo que o servidor possa acompanhar pai e mãe em tratamento de saúde, mesmo que eles não sejam seus dependentes econômicos. O Sinpro vinha cobrando essa correção desde a aprovação da lei e inclusive impetrou ações judiciais vitoriosas em defesa dos seus filiados.

Esperamos agora que a CLDF corrija essa injustiça e garanta a todos os servidores o direito de acompanhar o pai e mãe em tratamento de saúde. E vale lembrar: até que a lei seja aprovada o departamento jurídico do Sinpro está à disposição dos sindicalizados que quiserem recorrer à Justiça para garantir seu direito.

Imprimir