Por administrador em 05/fev/2011

Plenária no Sinpro traça rumos em defesa dos concursados



A diretoria do Sinpro realizou no sábado (05) uma plenária com cerca de 150 professores aprovados no concurso da Secretaria de Educação do Distrito Federal de 2010. Foi o primeiro encontro dos professores aprovados na sede do Sindicato, com o objetivo de organizar o movimento de luta pela nomeação dos professores aprovados no concurso da SEE-DF. No final da plenária foram definidas as seguintes ações estratégicas para os próximos dias:
AUDIÊNCIA PÚBLICA: Cobrar da CLDF a realização de uma audiência pública para discutir o problema.
ABERTURA OFICIAL DO ANO LETIVO: Participar de maneira organizada do evento oficial de abertura do ano legislativo no Centro de Convenções, no dia 09 de fevereiro à partir das 14hs.
VÍGÍLIA: Realizar uma vigilia em frente ao Palácio do Buriti no dia 15 de fevereiro, à partir das 18h30.
REUNIÃO COM GOVERNO: Participar da reunião com o GDF no Palácio do Buriti, dia 16 de fevereiro, às 10hs.
A reunião começou com a Comissão de Negociação do Sinpro passando os informes sobre a ida do grupo juntamente com representante dos concursados até a Câmara Legislativa na última semana. Foi concluído que o grupo vai fazer pressão para que o governo encaminhe ao Legislativo um pacote com proposta de convocação suficiente para resolver o preenchimento irregular das carências definitivas por professor temporário. Os deputados se mostraram abertos a atender a demanda, desde que o governo envie um projeto de lei sugerindo as mudanças no orçamento que possibilite o aumento do número de nomeados. Na condução dos trabalhos estavam os diretores do Sinpro, Washington Dourado, Bernadete, Maria Augusta, Carlos, Izabel Portuguêz, Nilza, Chicão e Dimas, entre outros que tem se empenhado na solução definitiva que atenda os concursados.

Imprimir