Por administrador em 06/dez/2011

Orientadoras e Orientadores são homenageados em encontro promovido pelo Sinpro



Em comemoração ao Dia do(a) Orientador(a), 4 de dezembro, o Sinpro-DF realizou na manhã de terça-feira (6), um Encontro de Orientadoras e Orientadores, na sede do Sindicato. A categoria compareceu em peso ao evento, lotando o auditório. Na abertura, a diretora da Secretaria de Políticas Sociais, Magnete Guimarães (Meg), fez a leitura de uma mensagem da diretoria colegiada em homenagem àquela categoria pela passagem da data comemorativa. Logo em seguida, o Coro Sinprônico, um coral formado de professoras e professores sob a regência do maestro Tonicesa Badu, encantou a platéia com a apresentação desde músicas populares até canções natalinas.

O evento foi também uma oportunidade de a categoria discutir suas questões específicas como: formação, aposentadoria especial, jornada de trabalho, plano de carreira, bem como a proposta em tramitação na Câmara dos Deputados, que torna obrigatório a presença de um orientador educacional formado em pedagogia na educação infantil e no ensino fundamental e médio. Uma palestra sobre a “Formação e Carreira do Orientador: Desafios e Perspectivas” foi ministrada pelo secretário de Formação da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE), Gilmar Soares, seguida de debate.

Informe sindical – Os diretores do Sinpro, presentes ao evento, aproveitaram a ocasião para repassar à categoria informações sobre a atuação sindical. A diretora Eliceuda França explicou a participação do Sindicato na “Campanha do Laço Branco”: homens pelo fim da violência contra a mulher, e convidou a plateia a fazer parte dessa ação. O diretor Julio Barros falou sobre o projeto de Gestão Democrática, que será votado na próxima semana, na Câmara Legislativa, explicando os pontos positivos alcançados graças ao trabalho do Sinpro, e conclamando a categoria a acompanhar a votação.

A diretora Bernadete Silva informou sobre os cursos de formação sindical promovidos pelo Sindicato com apoio da CUT (EcoCUT) e a importância de fazê-los. Os cursos de pós-graduação oferecidos gratuitamente pelo Sinpro em parceria com a Universidade Federal do Tocantins (UFT), e que estão com as inscrições abertas, foram abordados pelo diretor Cláudio Antunes. O diretor Francisco Alves (Chicão), que coordenou o encontro junto com os diretores Meg e Cláudio, falou sobre andamento de um processo de pedido de aposentadoria especial de uma orientadora da rede e sobre a proposta de tornar obrigatória a presença do orientador educacional desde a pré-escola até o ensino médio. O encontro terminou com um almoço de confraternização oferecido pela diretoria colegiada.

Imprimir