Sinpro e MP acordam novo prazo para gestores de escolas. Sindicato convoca nova reunião com professores para segunda (02)

O Sinpro convoca os gestores de escolas para uma nova reunião nesta segunda-feira (02), às 10h, na sede do sindicato. Durante a tarde desta sexta-feira (29) diretores do Sinpro se reuniram com a promotora Cátia Gisele Martins Vergara, do Ministério Público do Distrito Federal, para propor um novo prazo para a regulamentação da dedicação exclusiva dos professores gestores de escolas. Na última quarta-feira (27) diretores(as), vice-diretores(as) de escolas e o sindicato debateram ações acerca da Circular nº 8/2017, da Secretaria de Gestão de Pessoas do GDF, que convocou os(as) gestores(as) que acumulam cargos efetivos e funções de direção para optarem, em cinco dias, por uma das duas situações.
Durante a reunião de hoje a diretora da Secretaria de Politicas Educacionais do Sinpro Berenic Darc ponderou sobre os prejuízos que a Circular trará para as escolas, exemplo do aspecto pedagógico, que pode ser prejudicado devido à brusca interrupção na continuidade das políticas educacionais. Outra preocupação mostrada pelo diretor de Assuntos Jurídicos do Sinpro, Dimas Rocha, foi com a mudança radical na rotina profissional dos gestores. “Além disto, ponderamos sobre a situação das escolas, a quebra da ruptura do processo de Gestão Democrática na qual os professores se comprometeram com a comunidade escolar e os prejuízos provocados pela interrupção do trabalho letivo já proposto nas escolas”.
O Ministério Público se comprometeu em comunicar à Secretaria de Educação do DF a prorrogação do prazo até o final de 2017. Neste período o Sinpro encaminhará à SEE e à Câmara Legislativa do DF uma proposta de mudança no Art. 40, inciso V da Lei de Gestão Democrática.
 

Gestores de escolas se reúnem no Sinpro para discutir Circular da SEE

Skip to content