Sinpro debate o Enfrentamento à Violência contra as Mulheres

O Sinpro, por meio da Secretaria para Assuntos e Políticas para as Mulheres Educadoras, realizará no dia 24 de novembro um debate cujo tema central será o Enfrentamento à Violência contra as Mulheres. O evento faz parte da “Campanha dos 16 dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra as Mulheres” e será realizado às 19h30, no auditório do sindicato (SIG Quadra 06 Lote 2.260).
O debate tem a finalidade de refletir sobre a violência que sofrem as mulheres, na perspectiva de apontar os próximos passos do movimento. Pesquisa realizada em 2017 pelo Datafolha revela que uma em cada três mulheres sofreram algum tipo de violência no último ano. Só de agressões físicas, o número é alarmante: 503 mulheres brasileiras vítimas a cada hora. Os dados ainda mostram que 22% das brasileiras sofreram ofensa verbal no ano passado, um total de 12 milhões de mulheres. Além disso, 10% das mulheres sofreram ameaça de violência física, 8% sofreram ofensa sexual, 4% receberam ameaça com faca ou arma de fogo. E ainda: 3% ou 1,4 milhões de mulheres sofreram espancamento ou tentativa de estrangulamento e 1% levou pelo menos um tiro.
A pesquisa mostrou que, entre as mulheres que sofreram violência, 52% se calaram. Apenas 11% procuraram uma delegacia da mulher e 13% preferiram o auxílio da família. E foi na busca de caminhos para combater esta situação que foi lançada, em 1991, a campanha 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra as Mulheres. Desde o surgimento da campanha o Sinpro foi vanguarda na construção de movimentos e no engajamento da luta pelo combate à violência.
Há anos o Sinpro combate a violência doméstica, no local de trabalho e em qualquer ambiente em que a mulher é submetida a maus-tratos e todas as outras formas de violência. Para isso, criou a Secretaria de Mulheres Educadoras. “Neste debate pretendemos destacar os diversos tipos de agressão e aspectos do comportamento cotidiano da população, que alimenta a cultura da violência contras as mulheres. Desta forma poderemos avançar e apontar os caminhos a serem trilhados pelo movimento. Precisamos de compromisso e atitude. Nenhuma a menos”, ressalta a coordenadora da Secretaria de Mulheres do Sinpro, Vilmara Pereira.
 
Clique aqui para inscrição.
 
PROGRAMAÇÃO

19h30-  ABERTURA

20h – DEBATE: NENHUMA A MENOS

         EXPOSITORAS:

·       OLGAMIR AMÂNCIA FERREIRA  –  Decana de Extensão da Universidade de Brasília

·       SANDRA GOMES MELO  –  Delegada Chefe da Delegacia Especial de Atendimento à  Mulher do DF

·       GINA VIEIRA  – Professora da Rede Pública do DF e autora do Projeto Mulheres Inspiradoras

·       IRIDIANE SEIBERT – Coordenadora Nacional do MMC

·       MARIA JOSÉ COSTA ALMEIDA – Coordenadora do MTST –  DF

·       VITÓRIA BARRETO DA SILVA – Estudante Secundarista do Ensino Médio de Samambaia e integrante do Levante Popular da Juventude

 21h30- JANTAR DE CONFRATERNIZAÇÃO COM MÚSICA AO VIVO

Alessandra Terribile – voz

Juçara Dantas –  violão

Gabriela Tunes – flauta

Skip to content