Sinpro convoca categoria para participar do acampamento na Praça do Buriti

A Diretoria Colegiada do Sinpro convoca a categoria para aderir ao movimento de protesto contra o não-pagamento do salário dos(as) professores(as). O movimento é organizado pela Central Única dos Trabalhadores de Brasília (CUT-Brasília) e a diretoria pede aos(às) professores(as) para levarem barracas de camping.
Servidores e servidoras públicas prejudicados(as) pelas medidas autoritárias e pela negligência dos governos estão acampados na Praça do Buriti até que o governo efetue os pagamentos devidos. Em 2012, a categoria docente realizou um acampamento semelhante na Praça do Buriti por 20 dias, durante os 52 dias de greve – uma das mais longas da história do Sinpro.
Apesar de ter divulgado na imprensa que irá efetuar o crédito de pagamento no dia 14 de janeiro, o governo não ofereceu nenhuma garantia, repetindo as mesmas promessas desde o dia 20 de dezembro.
Além disso, o secretário de Relações Institucionais e Sociais, Marcos Dantas, disse, em reunião nesta sexta-feira (9), com representantes do Sinpro, da CUT Brasília e de vários sindicatos em mobilização, que o GDF irá pagar somente o salário de dezembro e que o pagamento do 13º e diferenças e do um terço do abono de férias continuam sem previsão, assim como a rescisão dos temporários.

Skip to content