Sinpro convoca a categoria para mobilização virtual no dia 18 de março

Em decorrência da pandemia do Coronavírus, do crescente número de infectados no Brasil e no mundo, além das restrições a grandes aglomerações, a CNTE anunciou a suspensão dos atos públicos que aconteceriam no dia 18 de março, quando será realizada a Greve Geral da Educação e em Defesa dos Serviços Públicos. Apesar do cancelamento das manifestações de rua, as entidades e centrais sindicais, juntamente com o Sinpro, convocam os(as) trabalhadores(as) para uma mobilização virtual nesta quarta-feira (18).

A partir das 10h, o Sinpro convoca os(as) professores(as) e orientadores(as) educacionais a tirarem fotos com faixas e cartazes com a hashtag #greveporeducacaoesaude, denunciando a precarização do SUS; os ataques à educação; ataques ao serviço público; e contra as reformas que estão sendo tramitadas no Congresso Nacional (Plano mais Brasil – Desvinculação do fundo, PEC emergencial e Pacto Federativo, e reforma Administrativa). Incentivamos que cada um(a) faça as postagem em suas redes sociais de forma pública, utilizando a #greveporeducacaoesaude. Não esqueça de marcar o Sinpro  nas redes sociais (@Sinpro).

O objetivo é que a hashtag fique entre as mais comentadas do dia. Quanto mais pessoas utilizarem as redes sociais com a #greveporeducacaoesaude, mais abrangente será a nossa manifestação virtual e o nosso alcance. Pedimos que cada um(a) use roupas vermelhas e verdes (simbolizando a luta e a cura), juntamente com os cartazes e faixas.

Vamos, juntos, lutar por uma educação e uma saúde públicas de qualidade.

 

Ações do dia 18 de março

Tuitaço ao longo do dia
A hashtag #greveporeducaçãoesaude reunirá nas redes sociais as manifestações em defesa da educação pública, da saúde, dos serviços públicos e da democracia em todo país. Para participar, é só postar fotos com cartazes de reivindicações, textos e vídeos com a temática da greve usando essa hashtag. Acesse aqui os materiais para divulgação.

Panos nas janelas
No dia 18 de março os manifestantes poderão apoiar a greve geral da educação pendurando um pano na janela, de qualquer cor ou tamanho, e em seguida fazer uma foto dessa ação e publicar nas redes sociais com a hashtag #greveporeducaçãoesaude.

Apagar e acender das luzes às 20h

Às 20h pedimos que todos apaguem e acendam as luzes de suas casas por um minuto como mais uma forma de protesto neste dia de greve contra todas as medidas contrárias ao serviço público, à educação e à saúde pública.

Participe das ações virtuais da Greve Geral nesta quarta-feira (18), pois o momento de isolamento pela saúde de todos(as) consiste em mais uma oportunidade de luta e consciência por uma vida com qualidade social e por nossos direitos respeitados.

Skip to content