Servidores públicos federais no DF pautam Dia do Basta, em assembleia na quinta (2/8)

Os servidores públicos federais no DF se reunirão em assembleia nesta quinta (2/8). O encontro, que acontece no Espaço do Servidor, entre os blocos C e D da Esplanada dos Ministérios, a partir das 12h, definirá o rumo da mobilização da categoria para o dia 10 de Agosto, Dia do Basta, chamado pela CUT e outras Centrais.
De acordo com o presidente do Sindsep-DF ― sindicato que representa o funcionalismo público federal no DF ― Oton Pereira, a orientação da entidade é para que seja aprovado um dia de paralisação em contraposição aos inúmeros retrocessos impostos à categoria, como a Emenda Constitucional 95, que congela os investimentos públicos por duas décadas. “Basta de destruição do serviço público e de ataque aos servidores públicos. Queremos mais valorização e, por isso, pretendemos nos unir a outras categorias para um dia de grande mobilização”, disse.
Dia do Basta

O Dia do Basta é uma iniciativa conjunta da CUT e demais centrais sindicais, e foi aprovado nacionalmente em julho deste ano. A ideia é que as entidades sindicais realizem assembleias com suas bases e deliberem alguma ação para o dia, como panfletagens, atrasos de turno, paralisações, marchas e outras.
Todas as atividades serão um meio para denunciar os retrocessos impostos ao povo brasileiro desde o golpe político-jurídico-midiático de 2016, encabeçado por Michel Temer. Entre os ataques, destacam-se a nova legislação trabalhista, a privatização das empresas estatais, a precarização realizada através da terceirização sem limite, o fim das políticas sociais, o sucateamento dos serviços públicos, a ampliação das jornadas de trabalho, a redução dos salários e outros. Também será dito basta à perseguição política a Lula e reivindicada a garantia de sua candidatura a presidente do Brasil.

Skip to content