Sem desfecho, vigilantes tem nova audiência em abril

Mais uma rodada de negociações entre patrões e vigilantes acabou sem desfecho. O encontro aconteceu nesta quarta (14) e foi intermediado pelo Tribunal superior do Trabalho (TST). Uma nova audiência está marcada para 9 de abril.
Desde o ano passado, o Sindesv/DF − sindicato que representa trabalhadores e trabalhadoras em Brasília − tenta negociar uma proposta que atenda as demandas da categoria, entretanto,  as empresas, se mostram irredutíveis e buscam, a todo custo, retirar direitos já conquistados.
A categoria exige a manutenção da convenção coletiva definida pela Justiça do Trabalho em 2017 e reajuste salarial de 3,1%. Entre outros pontos, a mobilização é contra a implementação da nefasta reforma trabalhista, que já apresenta resultados negativos nos acordos e convenções coletivas de 2018 de toda a classe trabalhadora.

Skip to content