Secretaria de Saúde antecipa vacinação contra influenza e sarampo

Crianças de 6 meses a menores de 5 anos de idade já podem se vacinar contra influenza e sarampo. É que a Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES-DF) informou, nesta semana, que antecipou a vacinação para crianças entre 6 meses e menores de 5 anos (4 anos, 11 meses e 29 dias) no Distrito Federal.

A diretoria colegiada do Sinpro-DF informa que boa parte desse grupo populacional também faz parte do público-alvo das comunidades escolares. Assim, inicialmente, a campanha contra o sarampo começará em 30 de abril, e, a da influenza, a partir de 3 de maio, seguindo orientação do Ministério da Saúde.

Com a nova decisão, desde esta quarta-feira (27/4), pais e filhos podem ir até aos pontos de vacinação selecionados, espalhados pela capital federal para receber o imunizante. Para que haja um maior alcance, a pasta de saúde do DF vai promover o Dia D da campanha de vacinação no próximo sábado (30/4). Para isso, novos grupos devem ser contemplados neste dia. São eles:

 

Público-alvo:

 

– Gestantes

– Puérperas

– Povos indígenas

– Professores das escolas públicas e privadas

– Pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais

– Pessoas com deficiência permanente

– Profissionais das forças de segurança e salvamento e das forças armadas

– Caminhoneiros

– Trabalhadores de transporte coletivo rodoviário de passageiros urbano e de longo curso

– Trabalhadores portuários

– Funcionários do sistema prisional

– Adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas

– População privada de liberdade.

 

Ao todo, a SES-DF crê que o público-alvo para imunização contra a influenza no DF é de 1.086.550 pessoas, com meta de vacinar pelo menos 90% dos grupos elegíveis.

Para o sarampo, a expectativa da pasta responsável é vacinar 95% de uma população de 182.357 crianças. Os pontos de vacinação são atualizados diariamente e podem ser consultados no site da Secretaria de Saúde

 

Com informações do Correio Braziliense e da SES-DF.