Negociação com o Sinpro garante nova data de reposição para as escolas que aderiram à paralisação do dia 1º de junho  

Após negociação com a Comissão de Negociação do Sinpro, a Secretaria de Educação do Distrito Federal (SEE) acrescentou o dia 2 de julho como data possível para a reposição da paralisação do último dia 1º de junho. A pasta havia definido, por meio da Circular 10/2022, que as escolas que aderiram à paralisação deveriam realizar a reposição presencial nos dias 18 ou 25 de junho. Agora, as escolas terão três datas possíveis para repor a data: 18 e 25 de junho e 2 de julho.

A orientação é que as escolas informem à Unidades Regionais de Planejamento Educacional e Tecnologia na Educação (Uniplat) se aderiram ou não à paralisação de 01/06 e, em caso positivo, também informar a data de reposição presencial. A ata com a escolha do dia de reposição, referendadas pelos(as) professores(as) da escola, deve ser enviada via SEI à Uniplat até as 12h desta quinta-feira (09).