Iprev suspende prova de vida por 30 dias, mas não para quem não a fez em 2019

A diretoria colegiada do Sinpro-DF informa que o Instituto de Previdência dos Servidores do Distrito Federal (Iprev) suspendeu por 30 dias, a contar do dia 16 de março, a prova de vida dos(as) servidores(as) públicos(as) do Distrito Federal aposentados(as).

A decisão é consequência da pandemia do novo coronavírus e foi publicada na Portaria nº 13, dessa segunda-feira (16). Na mesma portaria, o Iprev informa que estão fora dessa decisão os(as) aposentados(as) que não fizeram a prova de vida em 2019.
 
Ou seja, quem não fez a prova de vida em 2019 terá de ir ao Banco de Brasília (BRB) fazê-la mesmo nesses dias de quarentena. Se não fizer, ficará sem o pagamento.

“Visando  garantir  a  saúde  e a segurança  de todos  os(as) aposentados(as),  cuja maioria  está no grupo de risco, estamos  atentos  a todas as informações possíveis  e alertamos  para  que tomem os devidos  cuidados para não se contaminarem”, afirma Sílvia Canabrava, coordenadora da Secretaria para Assuntos de Aposentados do Sinpro-DF.

Confira aqui a Portaria nº 13, de 16/3/2020

 

 

Skip to content