CEF 10 do Gama pede doação de instrumentos musicais para projeto inclusivo

A música não traz apenas alegria à alma, mas desenvolve a mente humana, promove o equilíbrio, proporcionando um estado agradável de bem-estar, facilitando a concentração e o desenvolvimento do raciocínio, em especial em questões reflexivas voltadas para o pensamento. A gama de efeitos positivos é grande e tem ajudado escolas a desenvolver o conteúdo pedagógico de forma mais lúdica e inclusiva. Pensando nisto, o Centro de Ensino Fundamental 10 do Gama lançou o projeto Edição de música – Legado 2022.

Para que o projeto saia do papel, a escola precisa de instrumentos musicais em bom estado de conservação (violão, sax, flautas, pandeiros, dentre outros) para implantar a atividade na escola. As doações podem ser entregues no próprio CEF 10 ou para a coordenação e direção da unidade escolar. Mais informações pelo telefone 99210-9696.

O projeto tem o objetivo de elevar a autoestima e ampliar o repertório cultural e intelectual de crianças e jovens com idade entre 10 a 17 anos de cinco escolas públicas localizadas na macrorregião do Gama, Santa Maria e Park Way. A atividade ainda prevê a realização de dez apresentações musicais, cinco cursos de formação musical, uma oficina de capacitação técnica, uma mostra de resultados, beneficiando aproximadamente 4 mil pessoas durante 8 meses.

Segundo o coordenador da escola, Eric de Sales, a atividade contempla ações de capacitação e formação, democratização do acesso a bens culturais, combate à evasão escolar, protagonismo, empreendedorismo social, formação de público e estratégias de sustentabilidade e continuidade do projeto. “Além destas preocupações, temos várias metas, como realizar a circulação de apresentações musicais em ambiente escolar; implementar os cursos de formação musical; realizar oficina básica de capacitação técnica para área cultural; instituir o sistema de apadrinhamento musical; e realizar mostra competitiva entre as escolas participantes”, explica.