Por administrador em 23/abr/2012

Nota da CNTE: a greve do magistério do DF é legítima!



A CNTE, mais uma vez, reitera apoio à greve dos/as professores/as do Distrito Federal e espera que o GDF honre o acordo firmado com o Sinpro, em 2011, na perspectiva de valorizar uma das carreiras de menor prestígio na administração pública local. Esse foi o compromisso assumido pelo Governador Agnelo Queiroz, desde a campanha eleitoral, e cabe ao Sinpro e a toda categoria cobrar seu cumprimento. Neste momento em que a greve do magistério público completa 42 dias, sem o devido atendimento da pauta de reivindicações pelo GDF, é lamentável que a Justiça do Distrito Federal profira decisão limitando a paralisação a 20% da categoria, fato que além de respaldar a inércia do GDF contradiz a decisão de legitimidade da greve.
A educação pública de qualidade, para todos e todas, é um direito da população do Distrito Federal e não há como alcançar seus objetivos com profissionais desvalorizados. Assim sendo, a CNTE espera que a Justiça intime o Governador Agnelo a apresentar uma proposta satisfatória à categoria, dentro dos parâmetros negociados há um ano com o Sinpro, a fim de resguardar os interesses da coletividade brasiliense.

Brasília, 24 de abril de 2012
Diretoria Executiva da CNTE

Imprimir