CNTE apoia a suspensão do calendário do ENEM 2020

Como todos os países do mundo, o Brasil vive a situação da pandemia oriunda de Covid-19. No contexto nacional, de profundas desigualdades sociais e econômicas, suas consequências são e serão nefastas, sobretudo para a imensa maioria da população que vive em condições precárias.

No campo das políticas educacionais, os prejuízos são grandes considerando as dificuldades que já enfrentam crianças, jovens e adultos em um sistema que nunca honrou o princípio constitucional, que garante igualdade de condições de acesso e permanência a todos.

Especificamente no ensino médio, etapa conclusiva da educação básica, coloca-se uma situação limite com a necessidade de realização do ENEM e dos vestibulares para prosseguimento dos estudos.

A sociedade brasileira, representada pelas entidades que assinam o documento abaixo, exige que o Ministério da Educação suspenda o calendário previsto para o ENEM e aguarde tanto o desenrolar dos acontecimentos em torno das modificações impostas pela pandemia, quanto o retorno às atividades presenciais para redefinir sua realização.

Confira na íntegra a solicitação coletiva de suspensão do calendário do ENEM

Fonte: CNTE

Skip to content