Ator critica golpe e abandona programa, ao vivo, em respeito à greve da EBC

O golpe de Estado e suas consequências já não são mais suportados pelos brasileiros. A mídia omite isso, sistematicamente, ao não veicular as manifestações de rua contrárias ao governo ilegítimo, ao não abrir espaço para opiniões contrárias, ao não mostrar as consequências reais das reformas constitucionais e das privatizações generalizas. Contudo, às vezes, não tem como esconder.
É o caso do ator e escritor Pedro Cardoso, que, durante o programa Sem Censura, na TV Brasil, recusou-se a dar entrevista, criticou duramente, ao vivo, o atual presidente da Empresa Brasileira de Comunicação (EBC) e abandonou o cenário.
A cena inusitada ocorreu na edição dessa quinta-feira (23). O ator e escritor, que, atualmente, reside fora do Brasil, disse, no ar, que participar do “Sem Censura” no auge da greve dos empregados da companhia pública não seria correto.
“Não vou responder a nenhuma pergunta porque, quando cheguei aqui, encontrei uma empresa em greve. Não participo de programas de empresas que estão em greve”, declarou. Sua crítica ainda foi mais fundo: “Eu, diante deste governo que está governando o Brasil, tenho muita convicção de que as pessoas que estão fazendo esta greve, provavelmente, estão cobertas de razão”.
Disse ainda que não iria falar sobre o assunto acerca do qual iria falar no programa por causa das atitudes do atual presidente da EBC: “O que eu soube aqui, quando cheguei, é que o presidente desta empresa aqui, que é uma empresa que pertence ao povo brasileiro, fez comentários extremamente inapropriados a respeito do que teria dito uma colega minha, onde a presença do sangue africano é visível na pele. Porque o sangue africano está presente em todos nós e, em alguns de nós, está presente também na pele. Então, se esta empresa que é casa do povo brasileiro tem na presidência uma pessoa que fala contra isso, eu não posso falar do assunto que vim falar aqui”.
Confira o vídeo:

Pedro Cardoso se recusa a participar do Sem Censura!

De arrepiar! Ato político do ator Pedro Cardoso ao vivo, no Sem Censura!Pedro Cardoso se recusa a participar do programa Sem Censura em apoio à greve dos trabalhadores da EBC e manifesta repúdio às declarações racistas do presidente da empresa, Laerte Rímoli, após um vídeo da atriz Taís Araújo sobre o tema racismo. Imperdível! Assista, curta e compartilhe!

Posted by Wadih Damous on Thursday, November 23, 2017

Skip to content