ASSINE CARTA ABERTA EM DEFESA DA VIDA E CONTRA O RETORNO ÀS AULAS PRESENCIAIS

Governos país afora se preparam para a reabertura das escolas, mas têm encontrado resistência de pais e professores(as). Em Brasília, não é diferente. Contrariando todas as recomendações das autoridades sanitárias, o Governo do Distrito Federal (GDF) planeja  a retomada das aulas presenciais nas escolas públicas ainda em agosto.

A diretoria colegiada do Sinpro-DF e a categoria magistério consideram perigoso o retorno das atividades em meio ao aumento drástico do contágio e do número de mortes pelo coronavírus (COVID-19).

Em carta aberta ao governador Ibaneis Rocha, diretores(as) de escolas públicas do Distrito Federal consideraram inaceitável a reabertura das escolas em um momento tão complexo que exige, mais que nunca, cautela na tomada de decisões. Confira um trecho da carta:

“Não é por capricho que a Comunidade Escolar é contra a volta às aulas presenciais neste momento, mas sim, por não querer chorar a morte de seus(as) filhos(as) ou entes queridos. O medo e a incerteza rondam a todos(as). Não podemos considerar a volta como se estivéssemos em “normalidade”, elevando o risco de levar milhares de pessoas a se contaminarem pela Covid-19, que, até o momento, não possui nenhum medicamento e/ou vacina, tratamento específico ou prevenção, muito menos uma política nacional coordenada e de investimentos em todos os níveis de Atenção Primária à Saúde. (…) reiteramos nosso apelo para que o bom senso prevaleça e que seja suspenso esse cronograma de retorno às aulas e atividades presencias, que nos indica um contexto de morte. Nossa principal tarefa neste momento é lutar pelo direito à VIDA, à Saúde e à Educação!”

A carta ao governador Ibaneis Rocha expõe nossa preocupação e mostra que vidas importam. Precisamos pensar na vida, na saúde e no bem-estar de toda a comunidade escolar e da população do DF. Assim, a volta às aulas e às atividades presenciais neste momento seria uma aventura genocida, podendo acarretar a morte de milhares de pessoas.

Solicitamos o apoio de todos que consideram arriscado o retorno das aulas presenciais neste momento. É fundamental que o governador se sensibilize e repense o cronograma de reabertura até que a pandemia esteja definitivamente controlada.

Pedimos que leiam a carta enviada ao governador, compartilhem e apoiem assinando no link a seguir:

https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSeu4SWSu2t7yii4W3ApBOR7c9jLMP7t70KaHH4feWPbKtDz0g/viewform

Skip to content