Assessoria falsa nas escolas

Nos últimos dias o Sinpro recebeu algumas denúncias de um advogado indo às escolas, oferecendo serviços em nome do sindicato e pedindo depósitos bancários aos(às) professores(as) e orientadores(as) educacionais sindicalizados(as). A diretoria colegiada do Sindicato dos Professores no Distrito Federal informa que em nenhum momento solicitou pagamento por quaisquer tipos de serviços jurídicos feitos nas escolas, muito menos autorizou que um advogado preste este tipo de serviço fora da sede e subsedes do sindicato. Toda assessoria jurídica prestada pelo Sinpro é realizada nas dependências do sindicato e não em ambiente escolar.
Diante dessa situação, que se configura como crime, solicitamos que os professores e orientadores que forem abordados por esse suposto advogado, que chamem a polícia imediatamente.

Skip to content