Por administrador em 06/dez/2013

Projeto que aprova o PNE será votado em regime de urgência



O projeto (PLC 103/2012) que aprova o Plano Nacional de Educação (PNE) será votado em regime de urgência pelo Plenário do Senado na próxima quarta-feira (11). A decisão foi tomada pelo Plenário nesta quinta-feira (5).

O senador Romero Jucá (PMDB-RR) explicou ser  necessária a aprovação do regime de urgência, porque se houver alguma emenda ao texto até o fim da discussão do projeto no Plenário, será possível dar o parecer sobre a emenda durante a votação.

“Como nós queremos votar o PNE, precisamos aprovar a urgência para dar agilidade na votação”, disse Jucá.

O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL) informou que durante a semana ocorreram reuniões para simplificar e acertar a votação do PNE. Ele disse esperar que a sessão seja tranquila, uma vez que a proposta precisa ser votada na semana que vem.

“Se não for assim, vamos seguir o regimento e votar uma, duas, dez vezes, não importa. O que importa é que no final o PNE seja aprovado. É um projeto de interesse público e esperamos que a votação aconteça a contento”, disse Renan.

Agência Senado

Imprimir