Por administrador em 17/mar/2014

Trabalho direto com a organização da escola



As funções de um coordenador pedagógico vão, muitas vezes, muito além da organização pedagógica e o elo com todos os segmentos da comunidade escolar. Segundo a coordenadora Liene Bastos Barbosa Rodrigues, em muitos casos o profissional da área acaba atendendo pais, alunos e auxiliando a direção da escola em funções administrativas. “O coordenador tem a função de ser um elo entre o professor e a direção da escola. Mas às vezes temos que nos desdobrar com a organização de projetos, provas e fazendo funções administrativas”, comenta a coordenadora do Centro Educacional 15 de Ceilândia.

Apesar do desgaste, Liene diz que a possibilidade de trabalhar diretamente com os alunos é gratificante. “Dentre as funções que desempenhamos, a organização da parte pedagógica é muito gratificante. Durante a realização de projetos como a Semana Cultural, a Feira de Ciências e a Feira Cultural, ficamos mais próximos dos alunos, conhecemos suas dificuldades e temos a oportunidade de ajuda-los. Quando estes projetos terminam percebemos que pudemos contribuir com carinho e atenção”, salienta Liene.

Para o futuro a coordenadora sinaliza que dentre os projetos está a criação de um cursinho preparatório para o Enem. “Este é um dos projetos que temos para o futuro, como uma forma de ajudar os alunos ao Enem e PAS”, sinaliza Liene, complementando que também é preciso analisar o excesso de trabalho que o coordenador pedagógico tem. “A função do coordenador é trabalhar com o pedagógico, e esperamos que no futuro tenhamos mais tempo de lidar com o lado pedagógico”, finaliza.

 

Liene Bastos Barbosa Rodrigues

CED 15 de Ceilândia

Há 6 anos como coordenadora

Imprimir