Por administrador em 18/dez/2008

Sinpro ingressará com representação contra fechamento de escolas



O Sindicato dos Professores ingressará com representação junto ao Ministério Público questionando o fechamento de escolas no Plano Piloto. “Queremos que o MP investigue a propalada falta de demanda. Acreditamos que muita coisa será descoberta”, entende Washington Dourado, diretor do departamento jurídico do Sinpro. No entendimento do Sindicato, as vagas que “sobram” no Plano Piloto poderiam ser usadas por alunos de outras cidades, que muitas vezes não têm educação infantil.
Segundo Washington, é preciso investigar se o sistema da tele-matrícula tem sido utilizado para realocar os alunos que os pais prefeririam que estivessem estudando nas escolas do Plano Piloto para outras escolas nas cidades onde moram.
O Sinpro teme que por trás de tudo esteja a especulação imobiliária. “Será que daqui a pouco não estarão licitando terrenos de escolas para construírem edifícios comerciais, ferindo de morte o plano original de Brasília?”, questiona o diretor do Sinpro.

Imprimir