Por administrador em 04/nov/2014

SINDESV-DF e vigilantes protestam contra 92 demissões no DER



Sindicato exige reintegração já!

O GDF resolveu cortar gastos da pior forma possível: demitindo trabalhadores terceirizados, comprometendo a limpeza e a segurança de órgãos públicos.

No caso do DER-DF, 92 vigilantes foram demitidos, colocando em risco toda a segurança dos locais que guardam diversos maquinários e equipamentos, além de carros novos. Diante disso, o Sindicato dos Vigilantes do DF foi para a porta da sede do DER para um manifesto público contra as demissões, exigindo do GDF a reintegração dos vigilantes.

Com faixas e caminhão de som, as adesões ao movimento crescem ao longo da manhã desta terça-feira (4), com muitas manifestações de apoio ao pleito dos vigilantes e em defesa da manutenção do emprego dos pais de família, bem como a segurança do DER.

Fonte: Sindesv-DF

Imprimir