Por administrador em 06/jan/2009

Prorrogadas inscrições para pós



Foi prorrogado para o dia 5 de fevereiro o prazo para as inscrições do curso semi-presencial de pós-graduação (em nível de especialização) que o Sinpro está oferecendo aos professores em parceria com a Universidade Federal de Tocantins (Unitins). Serão cem vagas destinadas aos professores sindicalizados, gratuitamente.
Até o dia 3 de fevereiro divulgaremos as datas em que serão conhecidos os resultados provisórios da seleção, bem como o período para a apresentação de recurso, divulgação do resultado final e matriculas.
O objetivo do curso é levar o professor a se apropriar dos conhecimentos teóricos e intelectuais que embasam a gestão, na perspectiva de que a direção de uma escola não deve ser exercida apenas pelo diretor, mas por todos os que estão envolvidos com o processo pedagógico. Conhecer os trâmites de uma gestão escolar é fundamental para se fazer o enfrentamento das políticas neoliberais, inclusive para questionar o arremedo de democracia da tal gestão compartilhada.
Para participar do processo seletivo, entre outros requisitos, o professor deverá ser sindicalizado, ter acesso à internet, elaborar uma carta de intenção, de três a cinco páginas, explicando:
.Os motivos pelo qual pretende fazer o curso.
.Qual a área de formação e trajetória universitária.
.Qual a importância desse curso na vida docente e pessoal.
.Qual a importância desse curso para a sua experiência profissional/sindical.
.Em que áreas acredita que esse curso lhe permitirá atuar.
.De que forma pretende contribuir com o sindicato/categoria a partir desse curso.
As aulas presenciais serão na sede e/ou subsedes do Sinpro aos finais de semana (sexta à noite, sábado e domingo), provavelmente de 15 em 15 dias. A 1ª aula está prevista para a 1ª quinzena de março/2009. E o término do curso está previsto para março de 2010.
Os critérios para a seleção dos interessados será a análise do currículo, do histórico escolar e da carta de intenção, que deve conter entre 3 e 5 páginas, pois a universidade estará avaliando a capacidade de argüição do candidato. O critério para o caso de desempate será o maior tempo da última sindicalização.

Imprimir