Por administrador em 22/mar/2012

Professoras(es) participam do Ato Unificado contra o “decretão” do GDF



Ao lado dos demais servidores públicos do Distrito Federal, professoras e professores participaram na manhã desta quinta-feira, dia 22, na Praça do Buriti, ao Ato Unificado contra o decreto do GDF que estipula medidas de contenção dos gastos com pessoal, conhecido como “decretão”. No evento, organizado pela CUT-DF em conjunto com o Fórum do Servidor Público, trabalhadoras e trabalhadores deixaram claro o sentimento de decepção e de repúdio para com as ações do governo Agnelo de promover arrocho salarial com a desculpa de segurar despesa, enquanto milhões do dinheiro público são consumidos com publicidade, eventos, empresas terceirizadas.

Diretores do Sinpro relataram aos demais trabalhadores que a falta de propostas concretas do governo foi determinante para a decisão da categoria de permanecer em greve, repassaram informes sobre a mobilização e convidaram a todos para participar da nossa Campanha de Doação de Sangue que começa amanhã, dia 23. As entidades presentes ao ato manifestaram seu apoio à luta das professoras e professores e afirmaram estarem ali também para cobrar atitudes concretas do GDF em relação as nossas reivindicações. A participação da categoria nesse evento é uma das atividades que constam no Calendário de Mobilização sugerido pelo Comando de Greve e aprovado pela assembleia geral.

Imprimir