Por administrador em 20/dez/2013

O que eu vejo na mídia muda minha forma de vê o mundo?



Categoria Redação V – 6° ao 9° ano do Ensino Fundamental / EJA 2° Segmento –

1º Lugar
Autor: ANA GABRIELA GOMES RIBEIRO
Escola: CENTRO DE ENSINO FUNDAMENTAL 07 / SOBRADINHO

Professor(a) Indicado(a):  Luciane Anselmo

IMG_5268

O que eu vejo na mídia muda minha forma de vê o mundo?

O tema dessa redação é realmente muito interessante, “O que eu vejo na mídia muda minha forma de ver o mundo”? Na minha opinião; com certeza, desde pequena aprendi que quanto mais vemos ou admiramos algo, mais nos tornamos parecidos com tal coisa.

Eu particularmente, gosto de assistir filmes de fantasia e acho que minha forma de ver o mundo acabou sendo bastante influenciada pela mídia,  meus filmes preferidos são “As Crônicas de Nárnia”, “As Crônicas de Spiderwick” e  “Harry Potter”.

Quando assisti As Crônicas de Nárnia, eu era bem pequena e realmente acreditava que poderia haver um outro mundo atrás do guarda-roupa, não vou dizer que perdi totalmente as esperanças, mas confesso que cansei de procurar por um mundo encanto atrás dos guarda-roupas.

Quando assisti As Crônicas de Spiderwick, procurava ninfas por todos os lados, praticamente perseguia as borboletas no meio das flores esperando para vê-las se transformarem. O Harry Potter me fez pensar muito no mundo que nos rodeia. No filme podemos ver que  os bruxos se escondem muito bem dos “trouxas”, quando necessário jogam até feitiços de memória sobre eles, por que isso não poderia ser verdade? Talvez os bruxos existam mesmo, e nós, os “trouxas” não saibamos de nada do que acontece em nossa volta. Minha amiga Nina é muito engraçada, ela me disse que acreditava que ganharia um carta para Hogwarts, como a Hermione, mesmo sendo “trouxa”, só que ela não está mais tão confiante assim, ela já tem 13 anos e deveria ter sido chamada a dois anos atrás, isso é um exemplo de que a mídia pode influenciar nossa forma de ver o mundo.

Outro filme bem legal que foi lançado recentemente é “Percy Jackson O Ladrão de Raios”, quando o assisti me deu uma vontade enorme de entrar para o acampamento meio-sangue. A minha amiga também chegou toda animada na escola, ela tinha ido à São Paulo e comprou umas camisas do acampamento meio-sangue. Eu até acredito que um dia por acaso, posso encontrar numa loja o guarda-roupa certo para ir à Nárnia; mas minha mãe é professora, meu pai corretor de empréstimos, os dois sempre foram muito presentes na minha vida, acho difícil eles serem uma das figuras do Olimpo. Os pais da Nina são franceses e para serem deuses deveriam participar da mitologia grega, então acho que a gente pode desistir de ir para o acampamento meio-sangue.

Enfim acho que os filmes de fantasia que eu e alguns de meus amigos assistimos nos fazem ver o mundo de uma forma diferente. E isso porque sou uma garota muito racional, mas não posso garantir que Nárnia, ou o acampamento meio-sangue, Hogwarts, ninfas, trolls, sátiros, bruxos e os deuses do Olimpo não existam, também não posso confirmar, mas com certeza posso acreditar.

Tenho amigos que vêm o mundo como se estivessem dentro de Crepúsculo, de A Bússola de Ouro, de Coração de Tinta, Alice no país das maravilhas; meu professor de português do ano passado mesmo, era o maior fã de Nárnia. Então se eu, meus pais, meus amigos e colegas e até mesmo um dos meus professores somos influenciados a ver o mundo de outra forma por causa de mídia, por que as outras pessoas não são?

Ver mais…

Imprimir