Por administrador em 12/fev/2009

Licença eleitoral: Jurídico questionará devolução



O Departamento Jurídico do Sinpro questionará na Justiça a decisão da Secretaria de pedir a devolução em dinheiro de professores que se licenciaram para concorrerem às eleições de 2008. De acordo com o advogado do Sinpro, Roberto Gomes Ferreira, os professores não agiram de má-fé e apenas seguiram a orientação anterior, que previa o licenciamento a partir da apresentação da ata do partido informando que o professor era candidato.
Os professores interessados em ingressar na Justiça devem procurar o atendimento jurídico na Sede e subsedes do SINPRO. Muito importante: é fundamental que o professor compareça munido de uma cópia do processo administrativo que determina a devolução.

Imprimir