Por administrador em 12/ago/2009

Jornada Unificada de Lutas nesta sexta, 14



Nesta sexta-feira (14), militantes sociais e sindicais de todo o Brasil realizarão manifestação na Jornada Unificada de Lutas, que reúne várias centrais sindicais. No DF, as atividades começam cedo, às 9h, na Torre de TV.

De lá, os manifestantes seguirão em passeata pela Esplanada dos Ministérios. Paradas estratégicas serão feitas nos ministérios do Planejamento, da Fazenda e no da Comunicação. Nas duas primeiras pastas, será cobrada a pauta defendida nacionalmente, que abrange a redução da jornada de trabalho de 44 para 40 horas semanais, sem redução de salários, e a defesa de emprego, salário e direitos. Já no ministério da Comunicação, os manifestantes protestarão pelo monopólio dos Correios e exigirão a realização de uma Conferência Nacional de Comunicação democrática e popular, pautas estas inseridas pela CUT-DF e demais movimentos sociais da região.

“Esta mobilização é uma das principais tarefas da militância cutista neste ano e precisamos nos empenhar para que envolva o conjunto do país”, afirmou o secretário-geral da CUT, Severo Quintino. De acordo com o dirigente cutista, o enfrentamento à crise financeira e a defesa para que os trabalhadores não paguem por ela também “virá à tona com peso no dia 14”. O tema foi aprovado no 10º CONCUT como um dos principais eixos do Plano de Lutas da Central.
Por: Vanessa Galassi, da CUT-DF

Imprimir