Por administrador em 16/set/2010

Informações das negociações do dia 16 de setembro



Contratos temporários – Foi iniciada a discussão, que tem como princípio o tratamento isonômico entre professores efetivos e temporários nos seus direitos salariais e o fim do regime de pagamento como horista e retorno ao antigo modelo, de 20 ou 40 horas. O número excessivo de contratos temporários na rede pública de ensino vem se arrastando há vários anos e reflete a política do GDF em não dar uma solução a esta questão. Nossa defesa é e sempre foi por mais concursos públicos já que mais de seis mil professores trabalham com contratos temporários, fato que não é o ideal. O concurso público neste domingo (19) é resultado de nossa luta pela contratação de mais professoras e professores de forma efetiva e durante a reunião de negociação também foi informado que até novembro será feita nova seleção de contratos temporários para 2011.
Pauta dos orientadores – Discutiu-se também a pauta específica dos orientadores e na próxima reunião a Secretaria de Educação dará uma posição sobre o assunto. A Secretaria informou ainda que a realização do concurso de orientador depende de nova cotação orçamentária, com previsão para autorização em novembro e realização provável a partir de janeiro de 2011.
Afast – Foi confirmado o Afast dos professores inscritos pelo site do Sinpro para o Congresso Centro Oeste de Ciências do Esporte e I Congresso Distrital de Ciência do Esporte.
A parcela das pendências financeiras relativas ao ano de 2007 já foram depositadas na quinta-feira, 16, na conta dos professores que fazem jus ao recebimento. Em reunião de negociação com a Secretaria de Educação, o Sinpro foi informado de que o reconhecimento da dívida foi publicado hoje no Diário Oficial do DF, o que garante o pagamento. As pendências do ano de 2008 serão pagas no mês de outubro.

Imprimir