Por administrador em 29/abr/2009

GDF pede indicação de nome para discutir reposição



O GDF enviou uma carta ao Sinpro pedindo a indicação de um nome da diretoria da entidade para a formação da Comissão que cuidará da reorganização do Calendário Escolar de 2009. De acordo com a carta, essa medida “visa o cumprimento de 200 dias letivos, previstos na Lei de Diretrizes e Bases da Educação, bem como a uniformização dos procedimentos relativos à reposição dos dias parados”.

Com a “uniformização dos procedimentos”, o secretário José Valente, que assina a carta do GDF, se remete ao comprometimento do governo de pagar os dias parados dos professores que participaram da greve depois que as aulas forem repostas. A comissão tem como integrantes, além do Sinpro e GDF, a OAB, Câmara Legislativa do Distrito Federal e a Universidade de Brasília.

Em contato com a diretora de recursos humanos da Secretaria de Educação, o Sinpro obteve a informação de que o primeiro encontro para discutir a reposição do calendário acontecerá na próxima segunda-feira, 4 de maio.

A Comissão foi formada por pressão da greve para que o GDF pagasse os pontos cortados no mês de abril. Em Assembléia Geral na última terça-feira, 28, os professores deliberaram pela volta à greve caso o governo não cumpra com o acordado.

Imprimir