Por administrador em 07/out/2013

Festa do Professor lota o Opera Hall



foto-site-tratada

A tradicional Festa dos Professores, capitaneada pelo multimídia Serjão Loroza & US Madureira, lotou na noite de sábado (05) os gigantescos espaços do Opera Hall, superando todas as expectativas da organização do evento.

 

A excelente organização, com um perfeito esquema de segurança, só poderia proporcionar à categoria e seus convidados uma noitada de muita alegria e diversão. Serjão impressionou a todos. Fez a galera vibrar, dançar e cantar com ele todo seu variado repertório musical.

 

Se não bastasse, a banda Esquema Seis, não deixou por menos. Do bolero ao funk, pôs todo mundo para dançar até depois das 4h da manhã. E os que curtem uma música eletrônica, também puderam desfrutar de um salão exclusivo, ao som de muito pancadão.

 

Marcos Aurélio Rodrigues, diretor do Sinpro e coordenador da Secretária de Assuntos Culturais, considerou a festa excelente. Achou, também, muito acertada a contratação de Serjão Loroza para o show, já que ele não deixou ninguém parado. Segundo Marcos, os professores e professoras continuam prestigiando com intensidade os eventos organizados pelo Sindicato.

 

Serjão Loroza, durante seu show, não poupou elogios à categoria. Ele qualificou o magistério como uma das mais nobres profissões e cobrou dos governantes brasileiros a devida valorização e o merecido respeito aos professores e professoras. “Ser músico ou professor é só para quem gosta e para quem tem talento”, comparou Serjão.

 

Econômico nas suas opiniões políticas. Sobre a corrupção no país, ele considera que o Brasil não se diferencia muito de vários outros países. No entanto, quando o assunto é educação, Serjão é taxativo. “Tudo passa por aí. É o canal. Precisamos que o país invista cada vez mais na educação para que tenhamos um povo realmente desenvolvido.”

 

“Fenomenal! Uma das melhores festas já organizadas pelo sindicato”, afirma Ézio de Oliveira Souza, professor do Centro de Ensino Médio 01 de Brazlândia. Ézio, que tem 10 anos de magistério, considera que a organização da festa estava excelente, do começo ao fim, da entrada à saída. Também elogiou a originalidade da tenda de música eletrônica, à beira do lago, e adorou o samba-rock do Serjão & US Madureiras.

 

 

Imprimir