Por administrador em 08/jun/2012

Estabelecido cronograma de negociação do plano de carreira dos professores do DF



Professores da rede pública de ensino do Distrito Federal e governo chegaram a um acordo sobre a negociação do plano de carreira da categoria. A comissão de negociação do Sindicato dos Professores (Sinpro/DF) se reuniu na última terça-feira (5/6) com representantes da Secretaria de Administração do GDF, em que foi estabelecido um cronograma de seis reuniões para finalizar o debate sobre os pontos do plano de carreira que não causem impacto financeiro ao governo distrital. Também foram discutidos dois Projetos de Lei: o que define regras para aposentadoria dos professores e o que autoriza o pagamento do auxílio saúde até 14 de junho.

Entenda o caso – Após 52 dias parados, os professores decidiram suspender a greve em 2 de maio. Eles enviaram uma pauta De reivindicações que foi aceita pelo GDF. O compromisso firmado é que o governo envie à Câmara Legislativa do DF, até 14 de junho, proposta de Projeto de Lei contendo pontos consensuais da estrutura do plano de carreira da categoria. Nesta data, os professores devem se reunir novamente para analisar o avanço das negociações.

Em 7 de maio foi definido o calendário de reposição dos 35 dias letivos perdidos com a paralisação. A reposição começou em 12 de maio e terá de terminar até 29 de dezembro. As escolas devem definir seus próprios calendários, pois o número de professores e de dias sem aula variou em cada uma delas. Haverá 42 possibilidades de datas para a reposição dos dias letivos perdidos.

Com informações do Correioweb

Imprimir