Por Tomaz Campos em 23/maio/2017

Dia 24: agora é em Brasília!



A CUT e as demais centrais reuniram-se na sexta-feira (19), em São Paulo, na sede da CTB (Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil), e decidiram adotar uma orientação conjunta para suas bases, de modo que todos participassem unitariamente das manifestações do domingo (21) em todo o Brasil, como de fato ocorreu.

Em São Paulo, a manifestação, convocada pela CUT e pela Frente Brasil Popular e Frente Povo Sem Medo para a Avenida Paulista, foi reforçada pela presença de outras centrais sindicais.

Os dirigentes das centrais também concordaram, na reunião, em fortalecer coletivamente a convocação para a Marcha da Classe Trabalhadora, em Brasília, na próxima quarta-feira (24). A exigência da CUT e das centrais é a retirada imediata das propostas de Reforma Trabalhista e Reforma da Previdência em tramitação no no Senado e na Câmara dos Deputados, respectivamente.

Participaram da reunião, além da CUT, a CTB (Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil), UGT (União Geral de Trabalhadores), Força Sindical, NCST (Nova Central Sindical dos Trabalhadores), CGTB (Central Geral dos Trabalhadores do Brasil), Intersindical, CSP-Conlutas e CSB (Central dos Sindicatos Brasileiros).

Imprimir