Por administrador em 15/jun/2011

Comissão de Direitos Humanos discute aumento da violência nas escolas



A Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados promove audiência pública nesta quarta-feira (15) para discutir soluções para a violência nas escolas. A reunião vai acontecer às 14 horas, no Plenário 9 da Câmara. De acordo com pesquisa feita pela Secretaria de Educação do DF, que ouviu quase 10 mil alunos e mais de 1.300 professores, 69% dos estudantes e 71% dos professores já presenciaram violência física dentro das escolas, sendo que 15% dos alunos e 7% dos professores disseram ter sido vítimas de violência. Além disso, 27% dos alunos e 16% dos professores já foram roubados no colégio.
Foram convidados para a audiência pública:
– um representante do Ministério da Educação;
– a representante do Unicef no Brasil, Marie-Pierre Poirier;
– a pesquisadora Míriam Abramovay, do Núcleo de Estudos e Pesquisas sobre Juventude, Identidades e Cidadania e coordenadora e professora do Curso “Juventude, Diversidade e Convivência Escolar”;
– o apresentador da TV Record e autor de reportagens sobre o tema, Giulianno Cartaxo;
– o comandante do Batalhão Escolar do Distrito Federal, tenente coronel Eduardo Leite;
– o vice-diretor do Colégio Núcleo Bandeirante, Dreithe Thiago;
– a viúva do professor Carlos Mota, morto por um ex-aluno do Centro de Ensino Fundamental Lago Oeste/DF, Rita de Cássia Pereira.

Imprimir