Por administrador em 25/nov/2009

Começa o Fórum Mundial de Educação Profissional e Tecnológica



O Fórum Mundial de Educação Profissional e Tecnológica começou na última segunda-feira, 23 de novembro, com a presença do presidente Lula e apresentações da trupe circense Tholl e do teatro Bolshoi. Uma divisão do Fórum Mundial de Educação e realizado pela primeira vez este ano, o FMEP discute educação e trabalho ligados aos temas do desenvolvimento sustentável, diversidade e integração. O Sinpro fez parte da comissão organizadora do evento, e também estará presente nos debates.

Cláudio Antunes Correia, diretor do Sinpro, contextualizou o fórum: “É uma movimentação importante para discutir a profissionalização do jovem, uma discussão que havia sido abandonada e que vem sendo retomada aos poucos nos últimos seis anos. Entendemos que os cursos técnicos são uma ferramenta importante para formar os quadros profissionais de diversas áreas.”

Apesar de ser a primeira edição do evento, foram mais de 15 mil inscritos para acompanhar os debates, que continuam até o dia 27 no Centro de Convenções Ulysses Guimarães. Entre os conferencistas convidados, estão Leonardo Boff, Paul Singer, Bernand Charlot e mais dezenas de especialistas e pesquisadores de 16 países. O objetivo é levantar propostas para a educação no nível internacional, baseadas em princípios como a universalização do ensino, a garantia do acesso e a desmercantilização das escolas.

O governo também fez anúncios importantes no fórum, entre eles o estudo de um pacote fiscal para reduzir o preço do material escolar, de forma semelhante ao que a redução do IPI fez com carros e eletrodomésticos.Também foi anunciada a expansão de vários centros de pesquisa, como o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará. Aqui, o Instituto Federal de Brasília apresentou seus projetos no fórum, e 12 escolas da cidade participaram da abertura.

Imprimir