Por administrador em 14/out/2013

CNTE mantém acampamento pelo PNE em outubro



A CNTE vai permanecer com o acampamento em frente ao Senado Federal até que o Plano Nacional de Educação (PNE) seja aprovado. Desde 30 de agosto, a Confederação realiza atividades nas tendas instaladas no gramado da Esplanada dos Ministérios, com representações dos sindicatos filiados, principalmente às terças, quartas e quintas-feiras. As lideranças também visitam os senadores de seus estados para pedir apoio às emendas apresentadas pela CNTE.

Nessa terça-feira, 1/10, uma comitiva da CNTE, formada por representantes do SIND-UTE/MG, SINTET/TO e SINTE-PI acompanhou a reunião da Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE), que oficializou a relatoria da matéria ao senador Álvaro Dias (PSDB-PR).

Na mesma sessão, a CE aprovou calendário de audiências públicas, as quais terão início na próxima terça-feira, provavelmente sobre o tema “financiamento”.

A CNTE teve a oportunidade de conversar com o senador Álvaro Dias e solicitar a ele presença nas audiências públicas, tendo ele concordado prontamente. A CNTE também entregou aos membros da CE uma carta com a posição da Entidade sobre a tramitação do PNE no Senado, explicitando a preocupação dos/as educadores/as com os retrocessos aprovados pelas comissões de Assuntos Econômicos e de Constituição e Justiça da Casa, e expondo os principais pontos que a entidade julga imprescindíveis para a análise da comissão de mérito do PNE no Senado.

Clique aqui para ler a Carta aos Senadores e Senadoras da República Federativa do Brasil.

 

Imprimir