Por administrador em 31/mar/2014

Alunos da EC 64 de Ceilândia protestam contra a falta de professores



Na última semana, alunos e professores da Escola Classe 64 de Ceilândia fizeram um protesto na regional de ensino, contra a falta de professores na escola.

O Sinpro acompanhou o protesto. Fátima de Almeida, diretora do Sinpro, dá mais detalhes. “Conversamos com o professor Nelson, que é o coordenador da regional. Ficou acertado que das três carências que nós identificamos na escola, duas estarão resolvidas até o inicio do mês de abril. Na terceira demanda, a regional afirmou que vai se empenhar em resolver o quanto antes. Esta escola realiza um excelente trabalho. Vimos os coordenadores cobrindo vagas de professores. Portanto, eles estão reivindicando o ganho que é da categoria, de ter coordenadores nas escolas redirecionando o trabalho e professores lecionando em sala de aula”, diz.

Fátima afirmou que acredita em uma solução breve para os problemas e que vai aguardar as ações da regional de ensino.

Imprimir