Por administrador em 30/maio/2014

Sinpro solicita audiência com o governador para tratar da falta de professores(as)



Não dá mais para esperar. O GDF desde março está prometendo a homologação do concurso para professor (a), mas até agora nada foi feito. A última garantia da Secretaria de Educação foi a homologação até o final de maio. E não se concretizou.

As escolas públicas do DF estão sofrendo com a falta de professores (as) desde o início do ano letivo. A situação chegou ao limite, está insustentável. Não é possível que o ano letivo prossiga desta forma, na qual a categoria e os próprios alunos são prejudicados.

Há uma defasagem estimada em cerca de 2 mil profissionais. A diretoria do Sinpro encaminhou ao governo do DF um documento solicitando uma audiência com o próprio governador para cobrarmos uma definição para este problema. O Sinpro exige a imediata contratação dos (as) professores (as) concursados (as). A comunidade escolar está cansada de esperar.

Imprimir