Por administrador em 21/ago/2013

Calendário Escolar durante a Copa 2014



No início desse ano o Sinpro juntamente com a categoria discutiu o calendário escolar do próximo ano letivo. Considerando a reivindicação de alguns professores, de que escolas particulares do Distrito Federal conseguiram na Justiça o direito de escolher a duração das férias do meio do ano em 2014, o Sinpro lembra que as escolas públicas do DF irão começar o seu ano letivo mais cedo que as demais escolas. Dessa forma, não haverá prejuízos nas tradicionais férias de verão. E haverá aula na 2º quinzena de julho, época em que haveria recesso.

Nos últimos sete anos o Sinpro tem garantido a opinião da categoria na construção do calendário escolar. O calendário deste ano, por exemplo, contemplou em quase cem por cento a proposta trabalhada pelo Sindicato com a categoria: garantir os 200 dias letivos, como determina a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB).

E a avaliação geral dos professores é de que não haverá defasagem pedagógica para os alunos, pois estes farão as avaliações no final do ano e o 3° bimestre estará começando dia 4 de agosto, data considerada normal no calendário escolar. O ano letivo terá suas aulas encerradas em 22 de dezembro. A opção de suspender as aulas duas vezes por semana nos dias de jogos locais, que ocorrerão durante quatro semanas, foi considerada pelos professores um prejuízo pedagógico para os estudantes da rede.

O Calendário Escolar  de 2014 agregou os aspectos legais, pedagógicos e inclusões que há anos são solicitados pelos trabalhadores e trabalhadoras, dos quais destacamos os dias de planejamento pedagógicos com a comunidade, como instrumento que viabiliza a Gestão Democrática e a participação dos estudantes, pais, mães e responsáveis no processo de gestão da escola.

A decisão da Justiça abrange as escolas particulares, onde o Sindicato dos Estabelecimentos Particulares de Ensino (sindicato dos donos de escolas) resolveu questionar a decisão da Lei Geral da Copa.

Para ver o Calendário Escolar 2014,  clique aqui.

Imprimir